Fórum 1001Blogs - Amostras Gratis, Passatempos e Oportunidades!
Olá Convidado, seja bem-vindo ao Fórum 1001Blogs,

Neste Fórum podes ganhar:
1) Amostras Grátis
2) Prémios ao participar em Passatempos Online
3) Dinheiro com várias Oportunidades partilhadas por vários membros.

Para teres acesso ao conteúdo tens que ter o registo completo. Só após validação no teu email, é que poderás fazer o Login! Inventa um Username original, caso contrário, poderás ter erro no registo.

Vê o video para facilitar o registo - https://www.youtube.com/watch?v=g4-p3a4pUGQ



Atenciosamente,

1001Blogs - Pedro Diogo Freitas
APLICATIVO GRÁTIS
Parceiros Oficiais


Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada





Publicidade

releituras 1001

Página 3 de 12 Anterior  1, 2, 3, 4 ... 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 06 Ago 2012, 4:33 pm

Ficarei sentado ao teu lado, enquanto tu estiveres diante deste rio.
E se fores dormir, dormirei em frente a tua casa.
E se tu viajares para longe, eu seguirei os teus passos.
Até que tu me digas: Vai-te embora.
Entao, irei.
Mas hei-de amar-te para o resto da minha vida.


Paulo Coelho - Na margem do rio Piedra eu sentei e chorei

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sex 17 Ago 2012, 2:17 am

Maternidade

Escuta, sorrindo,
a morte que bate
de leve em seu corpo
com ávidos, doces
punhos da infância;
com beijos que vão
enchendo seu rosto
de tempo e ternura;
e alimenta, secreta,
a chama tranquila
que em seu ser ilumina
o mistério da vida.

Vítor Matos e Sá, in 'Esparsos'

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sex 17 Ago 2012, 4:31 am


"Andamos nisto há 3 anos, ele a fingir que está interessado em mim, mas não demasiado, e eu a tentar desistir dele. Já estivemos apaixonados, já namorámos, ele já acabou comigo duas ou três vezes, já recaímos outras tantas e agora não sei o que temos, se é um caso, uma historia mal resolvida, ou apenas um grande disparate, também não interessa. Não vale a pena procurar respostas para tanta confusão, o melhor é deixar correr."

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sex 17 Ago 2012, 6:28 pm

Retrato de Amigo

Por ti falo. E ninguém sabe. Mas eu digo
meu irmão minha amêndoa meu amigo
meu tropel de ternura minha casa
meu jardim de carência minha asa.

Por ti morro e ninguém pensa. Mas eu sigo
um caminho de nardos empestados
uma intensa e terrífica ternura
rodeado de cardos por muitíssimos lados.

Meu perfume de tudo minha essência
meu lume minha lava meu labéu
como é possível não chegar ao cume
de tão lavado céu?

José Carlos Ary dos Santos, in 'Fotosgrafias'

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sab 08 Set 2012, 7:36 pm

''Tudo volta. Procuro retomar a meu último pensamento: tinha relação com infância e livro, eu sei. E busco. Por entre essa infinidade de formas, de signos desfeitos com que são construídos os pensamentos por entre esse amontoado de lembranças feitas de imagem incompletas como retratos rasgados”.

. Caio



in O Inventário do Ir-remediável .

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por qiu em Seg 10 Set 2012, 8:31 am

ESPERE PELO HOMEM ...

Que te beije na testa e desembarace os seus cabelos que ele mesmo embaraçou. Aquele que saiba diferenciar os momentos em que você quer que ele te puxe pelos cabelos, daqueles que você só deseja dormir nos braços dele e sentir-se protegida.

Que saiba enxugar suas lagrimas e aguentar sua TPM, mas que não deixe você extrapolar em suas neuroses e inseguranças usando isso como desculpa.
...

Que ria de suas bobagens e escute seus sonhos, mesmo que não tenha absolutamente nada a ver com os dele. Que te admire como ser humano.

Que te faça sorrir quando tudo parecer insuportável e que queira
te mostrar para todos mesmo quando você está desarrumada,
suada e que te ache a mulher mais linda e interessante do mundo
mesmo quando você esta sem nenhuma maquiagem ou recém acordou.

Que faça um grande esforço pra te ver apenas 15 minutos
e faça esse pouco tempo valer seu dia! ♥

qiu
VIP 1001blogs

Mensagens : 26823
Data de inscrição : 22/01/2009
Idade : 42
Localização : VILA NOVA BARQUINHA

Ver perfil do usuário http://artecompaciencia.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 10 Set 2012, 2:23 pm

"O telefone tocou. Então uma voz que eu não ouvia há muito tempo, tanto tempo que quase não a reconheci (mas como poderia esquecê-la?), uma voz amorosa falou meu nome, uma voz quente repetiu que sentia uma saudade enorme, uma falta insuportável, e que queria voltar... Eu disse que sim, claro que sim, muitas vezes que sim."





(Caio)

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 10 Set 2012, 11:49 pm

Sinto saudade de algo que pensei ter um dia.
Algo que não mais passou, de uma simples ilusão.
Algo anda aí, por esse mundo fora.
Vivendo como se eu não existisse.
Fazendo de conta que, não mais do que uma sombra eu tenha sido.
Assim estou agora, uma sombra do que fui.
Um reflexo do que virei a ser.

C'K'M

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Qui 13 Set 2012, 6:43 pm

Meu coração é um entardecer de verão, numa cidadezinha à beira-mar. A brisa sopra, saiu a primeira estrela. Há moças na janela, rapazes pela praça, tules violetas sobre os montes onde o sol se pôs. A lua cheia brotou do mar. Os apaixonados suspiram. E se apaixonam ainda mais.

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Qua 19 Set 2012, 3:29 am

E por que haverias de querer minha alma
Na tua cama?
Disse palavras líquidas, deleitosas, ásperas
Obscenas, porque era assim que gostávamos.
Mas não menti gozo prazer lascívia
Nem omiti que a alma está além, buscando
Aquele Outro. E te repito: por que haverias
De querer minha alma na tua cama?
Jubila-te da memória de coitos e de acertos.
Ou tenta-me de novo. Obriga-me.

(Do Desejo - 1992)
Hilda Hilst

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Qua 19 Set 2012, 3:32 am


"Aflição de ser eu e não ser outra.
Aflição de não ser, amor, aquela
Que muitas filhas te deu, casou donzela
E à noite se prepara e se adivinha
Objeto de amor, atenta e bela.

Aflição de não ser a grande ilha
Que te retém e não te desespera.
(A noite como fera se avizinha)

Aflição de ser água em meio à terra
E ter a face conturbada e móvel.
E a um só tempo múltipla e imóvel

Não saber se se ausenta ou se te espera.
Aflição de te amar, se te comove.
E sendo água, amor, querer ser terra."


(Do Desejo - 1992)
Hilda Hilst

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Qua 19 Set 2012, 3:49 am

"Quando percebi, estava olhando para as pessoas como se soubesse alguma coisa delas que nem elas mesmas sabiam. Ou então como se as transpassasse. Eram bichos brancos e sujos. Quando as transpassava, via o que tinha sido antes delas, e o que tinha sido antes delas era uma coisa sem cor nem forma, eu podia deixar meus olhos descansarem lá porque eles não se preocupavam em dar nome ou cor ou jeito a nenhuma coisa, era um branco liso e calmo. Mas esse branco liso e calmo me assustava e, quando tentava voltar atrás, começava a ver nas pessoas o que elas não sabiam de si mesmas, e isso era ainda mais terrível. O que elas não sabiam de si era tão assustador que me sentia como se tivesse violado uma sepultura fechada havia vários séculos. A maldição cairia sobre mim: ninguém me perdoaria jamais se soubesse que eu ousara.Ninguém me perdoaria se soubesse que eu sei o que elas são, o que elas eram."

Caio

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Dom 23 Set 2012, 1:52 am

"Primeiro levaram os negros
Mas não me importei com isso
Eu não era negro

Em seguida levaram alguns operários
Mas não me importei com isso
Eu também não era operário

Depois prenderam os miseráveis
Mas não me importei com isso
Porque eu não sou miserável

Depois agarraram uns desempregados
Mas como tenho meu emprego
Também não me importei

Agora estão me levando
Mas já é tarde.
Como eu não me importei com ninguém
Ninguém se importa comigo." - Bertold Brecht

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por komodore em Seg 24 Set 2012, 11:20 am

No teu poema
existe um verso em branco e sem medida,
um corpo que respira, um céu aberto,
janela debruçada para a vida.
No teu poema existe a dor calada lá no fundo,
o passo da coragem em casa escura
e, aberta, uma varanda para o mundo.
Existe a noite,
o riso e a voz refeita à luz do dia,
a festa da Senhora da Agonia
e o cansaço
do corpo que adormece em cama fria.
Existe um rio,
a sina de quem nasce fraco ou forte,
o risco, a raiva e a luta de quem cai
ou que resiste,
que vence ou adormece antes da morte.
No teu poema
existe o grito e o eco da metralha,
a dor que sei de cor mas não recito
e os sonhos inquietos de quem falha.
No teu poema
existe um cantochão alentejano,
a rua e o pregão de uma varina
e um barco assoprado a todo o pano.
Existe um rio
a sina de quem nasce fraco ou forte,
o risco, a raiva e a luta de quem cai
ou que resiste,
que vence ou adormece antes da morte.
No teu poema
existe a esperança acesa atrás do muro,
existe tudo o mais que ainda escapa
e um verso em branco à espera de futuro.

Carlos do Carmo - 1976

komodore
VIP 1001blogs

Mensagens : 14263
Data de inscrição : 12/03/2010
Idade : 37
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 24 Set 2012, 11:36 pm

O Poeta Inventa Viagem,
Retorno e Morre de Saudade
de Hilda Hilst



Se for possível, manda-me dizer:

- É lua cheia. A casa está vazia -

Manda-me dizer, e o paraíso

Há de ficar mais perto, e mais recente

Me há de parecer teu rosto incerto.

Manda-me buscar se tens o dia

Tão longo como a noite. Se é verdade

Que sem mim só vês monotonia.

E se te lembras do brilho das marés

De alguns peixes rosados

Numas águas

E dos meus pés molhados, manda-me dizer:

- É lua nova -

E revestida de luz te volto a ver.

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 24 Set 2012, 11:52 pm

Excerto de PRELÚDIOS-INTENSOS PARA OS DESMEMORIADOS DO AMOR.

de Hilda Hilst



I

Toma-me. A tua boca de linho sobre a minha boca

Austera. Toma-me AGORA, ANTES

Antes que a carnadura se desfaça em sangue, antes

Da morte, amor, da minha morte, toma-me

Crava a tua mão, respira meu sopro, deglute

Em cadência minha escura agonia.



Tempo do corpo este tempo, da fome

Do de dentro. Corpo se conhecendo, lento,

Um sol de diamante alimentando o ventre,

O leite da tua carne, a minha

Fugidia.

E sobre nós este tempo futuro urdindo

Urdindo a grande teia. Sobre nós a vida

A vida se derramando. Cíclica. Escorrendo.



Te descobres vivo sob um jogo novo.

Te ordenas. E eu deliquescida: amor, amor,

Antes do muro, antes da terra, devo

Devo gritar a minha palavra, uma encantada

Ilharga

Na cálida textura de um rochedo. Devo gritar

Digo para mim mesma. Mas ao teu lado me estendo

Imensa. De púrpura. De prata. De delicadeza.

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por komodore em Ter 25 Set 2012, 10:24 am

Eu sentei e chorei

Conta a lenda que tudo o que cai nas águas deste rio... se transforma nas pedras do seu leito. Ah, quem me dera que eu pudesse arrancar o coração do meu peito e atirá-lo na correnteza, e então não haveria mais dor, nem saudade, nem lembranças.

Nas margens do Rio Piedra eu sentei e chorei. O frio do Inverno fez com que eu sentisse as lágrimas na face, e elas misturaram-se com as águas geladas que corriam diante de mim... todas estas águas se confundem com o mar.

Que as minhas lágrimas corram assim para bem longe..., e então eu esquecerei o Rio Piedra, o mosteiro... os caminhos que percorremos juntos.

Eu esquecerei as estradas, as montanhas e os campos dos meus sonhos - sonhos que eram meus, e que eu não conhecia.

Eu lembro-me do meu instante mágico, daquele momento em que um "sim" e um "não" podem mudar toda a nossa existência. Parece ter acontecido há tanto tempo e, no entanto, faz apenas uma semana que reencontrei o meu amado e o perdi.

Nas margens do Rio Piedra escrevi esta história. As mãos ficavam geladas, as pernas entorpecidas pela posição e eu precisava parar a todo o instante.

- Procure viver. Lembrar é para os mais velhos - dizia ele.

Talvez o amor nos faça envelhecer antes da hora e nos torne jovens quando a juventude já passou. Mas como não recordar aqueles momentos? Por isso escrevia, para transformar a tristeza em saudade, a solidão em lembranças. Para que, quando acabasse de contar a mim mesma esta história, a pudesse lançar no Piedra - assim me tinha dito a mulher que me acolheu. Para que então - as águas pudessem apagar o que o fogo escreveu.

Todas as histórias de amor são iguais.

Paulo Coelho "Nas margens do Rio Piedra"

komodore
VIP 1001blogs

Mensagens : 14263
Data de inscrição : 12/03/2010
Idade : 37
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sab 13 Out 2012, 2:03 am

"É inevitável o dia em que dás de cara com a realidade e te desiludes. Não porque te iludiste, mas porque acreditaste. Sei que acontece sempre nem que seja uma vez na vida. Esta não é a 1ª vez, mas nada te garante que também não será a última. E depois, naquele jeito de confusão de sentimentos tentas perceber o porquê. O porquê das pessoas raramente serem aquilo que juraram ser. Vais tentando arr
anjar uma explicação para o facto de estares magoada e não encontras essa explicação. Talvez o problema não esteja nas desilusões, mas sim na ausência de explicações ou na confusão de sentimentos. Às vezes tento imaginar como seria se as minhas decisões fossem outras, se o meu rumo fosse diferente... O problemas das pessoas é que mostram o que não são e desejam o que não querem ou o que não precisam. E é neste modo de encontrar respostas que normalmente nos perdemos, e quando nos perdemos vamos em busca de algo que não sabemos se existe..."
A questão é: Quando conseguires o que queres, será que ainda queres o que conseguiste???

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Sab 13 Out 2012, 4:07 pm

“Não foi planejado, nem premeditado. Foi só um querer estar perto e cuidar, tomar todas as dores e lágrimas como se fossem suas. A vontade e o desejo vieram depois, bem depois. Não foi um lance de corpo, foi um lance de alma. Não foram os olhos, nem os sorrisos, nem o jeito de andar ou de se vestir, foram as palavras. Uma saudade e uma urgência daquilo que nunca se teve, mas era como se já tivesse tido antes. Foi amor. É amor.”
— Tati Bernardi

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 15 Out 2012, 2:51 am


"O tempo passa depressa, o dia esvai-se dentro de mim, os primeiros traços de escuridão de há uns meses ocupam cada vez mais espaço. Na mais profunda solidão espero ser livre, desesperado e abandonado choro, não tenho forças para lutar por muito mais tempo."

Daniel Sampaio

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 15 Out 2012, 2:51 am

"Apesar da minha raiva continuo a ser ninguém. Caminho por entre sonhos e procuro a serenidade, busco a ilusão de que este momento vai passar e vou surgir de novo, no espelho, sem vergonha de mim."

Daniel Sampaio

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 15 Out 2012, 2:55 am

"Talvez uma simples promessa de alguém me convença a ficar aqui. Se a escutar em algum momento, tentarei que a noite não me rasgue o coração."

Daniel Sampaio

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Seg 15 Out 2012, 2:59 am

"Vou a caminho de uma solidão sem regresso, onde quer que estejas, ouve o meu grito, escuta a minha voz por um instante."

Daniel Sampaio

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por Dana_bebek em Qua 17 Out 2012, 1:21 am

"Será sempre a subir
Ao cimo de ti
Só para te sentir
Será no alto de mim
Que um corpo só
Exalta o seu fim"

Vamos, Porto. Vamos. Vamos!!"

Dana_bebek
VIP 1001blogs

Mensagens : 12074
Data de inscrição : 02/03/2010
Idade : 29
Localização : gondomar

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: releituras 1001

Mensagem por 1001blogs em Qua 17 Out 2012, 10:28 am

Dana_bebek escreveu:"Será sempre a subir
Ao cimo de ti
Só para te sentir
Será no alto de mim
Que um corpo só
Exalta o seu fim"

Vamos, Porto. Vamos. Vamos!!"


Smile andas inspirada tou a ver











------------------A minha assinatura ------------------------------------------------
O meu facebook...
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

1001blogs
Admin

Mensagens : 65681
Data de inscrição : 21/05/2008

Ver perfil do usuário http://www.1001blogsforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 12 Anterior  1, 2, 3, 4 ... 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum